segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Mercadante, Marta e Netinho oram na Assembléia legislativa(?) de Deus

O candidato do PCdoB ao Senado, Netinho de Paula, afirmou neste domingo (5), durante visita a dois cultos da igreja evangélica Assembleia de Deus, que superou o episódio em que se envolveu em uma briga conjugal com sua ex-mulher, em 2005, com a ajuda da igreja Batista, que ele frequenta.
Acompanhado por Marta Suplicy (PT), também candidata ao Senado, e de Aloizio Mercadante, que disputa o governo do Estado pelo PT, Netinho lembrou do período subsequente à agressão e que teve ajuda da religião para tocar a vida em frente.
“Em 2005 eu tive uma briga feia com a minha esposa, que foi externada pela mídia. Fui violento com a minha mulher e aquilo foi muito ruim para mim. Fiquei muito mal”, disse.
Para um público de cerca de 500 evangélicos, ele afirmou que começou a se recuperar ao frequentar a igreja Batista da região onde mora. “Eu pensava comigo mesmo: ‘não sou isso que as pessoas estão falando’. Netinho disse que recebeu orações da comunidade e tocou a vida em frente.
Os candidatos foram apresentados aos membros da Assembleia de Deus pelo vereador Carlos Apolinário (DEM) em duas igrejas da zona leste da capital paulista. Nas duas ocasiões, os pastores sugeriram votos aos candidatos.
Durante o culto, Mercadante foi abençoado por pastores e um dos fiéis teve o carro roubada na frente da igreja. José Maria Eymael (PSDC) também compareceu ao culto e discursou

Fonte: Terra

S@lcompimentas: Pois é. Muito estranho também é essa ligação de pessoal do DEM e PT - adversários históricos. Agora, é engraçado como os políticos se convertem sempre nas eleições... o que acontece no período intermediário? Como já avisamos no caso da panfletagem do Vaz de Lima na Catedral Presbiteriana (veja aqui), começou a temporada de transformar púlpitos em palanques no Brasil.

Se Jesus tivesse VIVENDO ENTRE NÓS NA TERRA, tenho impressão que expusaria esses mercadores da fé dos templos. E gritaria tanto na Assembléia de Deus quanto na Legislativa: Raça de Víboras!!!

Nenhum comentário: