segunda-feira, 27 de abril de 2009

Indianos são obrigados a fazer gesto obsceno antes de votar


Governo controla pleito pintando ponta do dedo médio de eleitores.
No país, assim como no Brasil, mostrar dígito é considerado ofensivo.
Na hora de votar, os eleitores indianos foram convidados a fazer um gesto pouco educado. Não, eles não mostram o dedo do meio como uma forma de protestar contra os políticos do país. O movimento foi criado pela própria Justiça eleitoral do país, como forma de combater fraudes no pleito nacional.

Normalmente, ao votar, cada indiano tem a ponta do dedo indicador marcada com uma tinta especial, que demora para sair. Desta forma, mesários conseguem evitar que uma pessoa vote duas vezes. Mas como algumas cidades realizaram eleições municipais recentemente, ainda há pessoas com o indicador sujo, o que obrigou a Justiça a determinar a pintura da ponta do dedo médio da mão esquerda.

"Não percebi que estava fazendo um gesto obsceno até ver a foto nos jornais. É muito de mau gosto", disse o ministro-chefe do estado de Maharashtra, Ashok Chavan, ao "Times of India".

Na Índia, mostrar o dedo do meio tem o mesmo impacto do que em países ocidentais. Em 2005, o australiano Greg Chappell, então técnico da equipe indiana de críquete, provocou polêmica ao fazer o gesto para um grupo de torcedores.

Fonte: G1


S@lcompimentas: É bom lembrar que a origem deste sinal não tem nada de obscena e está relacionada a uma provocação dos arqueiros ingleses durante a Guerra dos 100 anos, entre Inglaterra e França.

Nenhum comentário: