sexta-feira, 6 de março de 2009

Fruto proibido!


Gracy Kelly, a Mulher Maçã, brilha entre as mulheres frutas do funk carioca

Acredite: a musa do funk carioca gosta mesmo é de escutar música evangélica quando viaja

Conhecida em todo o Brasil como a Mulher Maçã, Gracy Kelly, um dos "bumbuns" mais famosos do funk carioca, continua com muitos objetivos e colhendo os frutos na sua horta. Prestes a lançar uma grife de lingerie e uma coleção de joias, ela também está em estúdio gravando o seu primeiro CD.

"Já cantei com alguns MCs, mas agora o disco é todo meu", adianta ela. Sobre os demais projetos, Gracy Kelly também se envolve diretamente. "Eu que desenho as joias e dou o aval final para as lingeries. O tema principal, claro, vai ser a maçã e as peças terão cheirinho da fruta", conta, animada.

Mesmo cheia de planos, Gracy Kelly encontra tempo para viajar. Mais a trabalho, é verdade. Essa semana mesmo embarca para shows no Uruguai. Mas aqui ela relembra alguns momentos como turista e confessa que músicas evangélicas são sua trilha sonora favorita em viagens.

1) Uma cidade: Rio de Janeiro.

2) Uma praia: todas de Fernando de Noronha.

3) Um país: Estados Unidos, porque eu adoro Nova Iorque.

4) Uma viagem dos sonhos não realizada: Itália e Paris, na França. Gostaria muito de conhecer.

5) Uma viagem inesquecível: Para os Estados Unidos, ano passado.

6) O que não pode faltar na mala? É tanta coisa que eu não posso esquecer! Eu levo tanta tralha! Mas meu celular eu não esqueço por nada. Sem ele eu fico louca!

7) O que é indispensável experimentar em uma viagem? Estar sempre com uma roupa confortável, para que aproveite bem o lugar. Dá até mau humor.

8) Prefere viajar sozinha ou acompanhada? Eu prefiro viajar acompanhada, para estar sempre trocando idéia com alguém!

9) Trilha sonora para viajar: Eu gosto muito de música evangélica. É bom para meditar e orar para que a viagem seja maravilhosa do começo ao fim.

10) O lugar mais bonito do Brasil: Fernando de Noronha.

11) Um souvenir: Uma vez fui para Angola, em 2004, e vi um monte de hipopótamos de brinquedo. Saí comprando para todo mundo. Comprei um para mim de madeira que tenho até hoje. Só não comprei maior porque ia pesar demais na mala.

12) Uma roubada que aconteceu em alguma viagem: Uma vez eu fui fazer show em um lugar que nem lembro onde era e acabei levando pouca coisa, para não ter que despachar a bagagem. Por causa de um tesourinha de unha, acabei tendo que despachar a mala. Daí, na volta para o Rio de Janeiro, a mala foi para o Galeão e eu desci no Santos Dumont. Tive que ligar para resolver isso, mas a companhia acabou entregando na minha casa.

Fonte: IG

S@alcompimentas: Será que a Ana Paula (Valadão) aceitaria ela para integrar o ministério de dança do Diante do Trono. Pelo menos, a performance seria mais interessante do que a Aninha imitando o Leão...


Nenhum comentário: