quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Empresário compra parte da Lua para namorada


Segundo o portal NewsRu, o russo Roman Abramovich, dono do Chelsea - time de futebol inglês -, presenteou sua namorada Dasha Zhukova, de 27 anos, com uma propriedade de aproximadamente 40 hectares na Lua.

O terreno estaria situado no hemisfério sul do nosso satélite natural. A área pode ser administrada como qualquer propriedade na Terra, o que torna possível vendê-la, doá-la ou, até mesmo, deixá-la como herança.

O órgão responsável pela regulamentação das atividades na Lua, o Space Settlement Institute, fez lembrança ao Tratado Sobre o Espaço Ultraterrestre - firmado em 1996 - que faz com que seja legal investidores privados adquirirem propriedades em outros satélites e planetas.

Para algo ser vendido, há a necessidade de existir um dono.
Quando compramos ou rentamos algo, pagamos para o dono do produto ou serviço em questão.
Quem seria o “dono da Lua”? Quem recebeu esse dinheiro (que, certamente, não foi mixaria)?

fonte: dormiu

comentário: Como ninguém mora na Lua, ao menos antes de humanos pisarem lá, ela deve pertencer a quem a criou, certo? Portanto, será que Jesus Cristo deixou uma procuração com o título de propriedade para a Lua para alguém no breve (mas relevante) período que esteve entre nós. Teria sido Pilatos, Pedro ou Judas? Certamente o escritor estadunidense Dan Brown - autor de "O Código da Vinci" - diria que a herança foi deixada para Maria Madalena. Eu, pessoalmente, acho mais fácil que a procuração esteja hoje nas mãos do bispo Macedo. Afinal, ele já se revela como o verdadeiro procurador do Todo Poderoso, cobrando doações e dízimos por bençãos e até pela salvação.

Um comentário:

Sandra Leal disse...

Af... quem escreveu o comentário anterior não tem mais nada para fazer não além de criticar igrejas?

Pois dou-lhe três opções:

1 - Vá lavar uma louça
2 - vá estudar
3 - VÁ FALAR DO EVANGELHO PARA OS OUTROS, AO INVÉS DE CRITICAR IGREJAS!